.

.

Saturday, September 02, 2006

UM POUCO DE POESIA

G


Sandro Penna escreveu o seguinte sobre sua poesia:

La mia poesia non sarà
un giuoco leggero
fatto con parole delicate
e malate
(sole chiaro di marzo
su foglie rabbrividenti
di platani di un verde troppo chiaro).
La mia poesia lancerà la sua forza
a perdersi nell'infinito
(giuochi di un atleta bello
nel vespero lungo d'estate).

Não sei muito bem italiano. Se alguém conseguir traduzir melhor, me envie por e-mail. Mas a tradução desse poema é mais ou menos isso:

Minha poesia não será
um afastamento claro,
feito com palavras delicadas
e fracas
(sol claro de março
sobre as folhas verdejantes
dos plâtanos de um verde muito claro).
Minha poesia lançará sua força
a perder-se no infinito
(sombra de um belo
atleta numa tarde de um longo verão).
G

No comments: